quinta-feira, 29 de julho de 2010


CONJUNTO RETRATOS, CHORO NA MANHÃ


O INSTITUTO CULTURAL ARTE BRASIL AGRADECE:


Literatura & Arte, produzido por Humberto Del Maestro ( Vitória/ ES )

Carta do poeta Henny Kropf ( RJ )

Convites da Galerie Templon ( França )

Revista poética Jardim News, enviado por Zuyla Cartaxo

Livro da VPM Marketing e Editorial

Carta do artista plástico José Maria Frutuoso ( Londrina/PR )

Anuário Viva Música 2010 ( RJ )

Arthur Nestrovski, Diretor Artístico da OSESP ( Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo ), que cumprimenta pela qualidade do blog www.ongartebrasil.blogspot.com


FERNANDO VASCONCELOS


" Foi com espanto e tristeza que soubemos da morte do nosso amigo, o escritor Fernando Vasconcelos, de Ponta Grossa ( PR).

Lamentamos profundamente com a certeza de que todos os que o conheciam, sentirão muita saudade.

Abaixo, 2 trovas de Fernando Vasconcelos: "



O QUE PENSA SEMPRE ATESTA

UM CONCEITO QUE NÃO ERRA

CORAGEM SE MANIFESTA

MAIS NA PAZ DO QUE NA GUERRA


AMOR SÓ PEDE CULTIVO

POIS JÁ EXISTE NA GENTE ...

NÃO PRECISA DE UM MOTIVO,

ACONTECE SIMPLESMENTE.


* 18 de julho, dia do trovador

quarta-feira, 28 de julho de 2010


Intercâmbio entre artistas brasileiros e chilenos fortalece

a relação entre os dois países e aproxima produção, difusão e formação

O Brasil em Chile - Chile en Brasil Festival é uma criação que favorece a divulgação do Brasil no exterior e a cooperação cultural com países do Mercosul. Propõe, aos artistas e público do Chile e do Brasil, a troca de expressões em Dança, Teatro, Música, Cinema e Artes Plásticas. Em julho de 2010, nas cidades de Fortaleza e Santiago.

Programação Detalhada

PROGRAMAÇÃO CHILE

07 de julho - QUARTA-FEIRA

20h: cerimônia de abertura

20h30: abertura da exposição: Pequena Sala de Jejum / Milena Travassos (Ceará/Brasil)

local: Museo de Arte Contemporáneo - MAC Parque Forestal

visitação: 08 a 10 de julho (quinta a sábado) | 11 às 19h

21h30: recital musical: Rabecas e Cabaças / Di Freitas, Mestre Expedito e Evânio Soares (Ceará/Brasil)

local: Museo de Arte Contemporáneo - MAC Parque Forestal

08 de julho - QUINTA-FEIRA

15h: interações criativas / música, com Di Freitas (Ceará/Brasil)

local: Museo de Arte Contemporáneo - MAC Parque Forestal

15h: interações criativas / artes visuais, com Milena Travassos (Ceará/Brasil)

local: Museo de Arte Contemporáneo - MAC Parque Forestal

17h: cinema: Mostra Brasil - Corpo Imagem / Curadoria: Alexandre Veras (Ceará/Brasil)

local: Museo de Arte Contemporáneo - MAC Parque Forestal

09 de julho - SEXTA-FEIRA

15h: interações criativas / cinema, com Alexandre Veras (Ceará/Brasil)

local: Museo de Arte Contemporáneo - MAC Parque Forestal

15h: interações criativas / dança, com Cia. Dita (Ceará/Brasil)

local: Teatro Nescafé de las Artes

21h: espetáculo de dança: De-Vir / Cia. Dita (Ceará/Brasil)

local: Teatro Nescafé de las Artes

10 de julho - SÁBADO

15h: interações criativas / teatro, com Cia. Do Meu Tio (Bahia/Brasil)

local: Teatro Nescafé de las Artes

21h: espetáculo de teatro: O Sapato do Meu Tio / Cia. do Meu Tio (Bahia/Brasil)

local: Teatro Nescafé de las Artes

PROGRAMAÇÃO BRASIL

27 de julho - TERÇA-FEIRA

20h: cerimônia de abertura

20h30: abertura da instalação interativa: Umbraltech / Brisa MP & Yto Aranda (Santiago/Chile)

local: Theatro José de Alencar - Jardins

21h: apresentação musical: Tempo de Amor / Grupo Feito em Casa (Ceará/Brasil)

local: Theatro José de Alencar - Jardins

22h: festa live: Chile in up live / Dj Paula Wapsas (Santiago/Chile)

local: Theatro José de Alencar - Jardins

28 de julho - QUARTA-FEIRA

14h: interações criativas / artes visuais, com Brisa MP & Yto Aranda (Santiago/Chile)

local: Theatro José de Alencar - Foyer

18h: espetáculo de teatro: Chejoviando / Cía. Teatro La Carcajada (Santiago/Chile)

local: Theatro José de Alencar

20h: espetáculo de teatro: Pedro de Valdívia - La Gesta Inconclusa / Tryo Teatro Banda (Santiago/Chile)

local: Teatro SESC SENAC Iracema

29 de julho - QUINTA-FEIRA

14h: interações criativas / teatro, com Tryo Teatro Banda (Santiago/Chile)

local: Theatro José de Alencar - Foyer

19h: interações criativas / cinema, com Álvaro de La Barra (Santiago/Chile)

local: Vila das Artes

21h: espetáculo de dança: Pies Pa' Volar / Cía. De Papel (Santiago/Chile)

local: Theatro José de Alencar

30 de julho - SEXTA-FEIRA

14h: interações criativas / dança, com Cía. De Papel (Santiago/Chile)

local: Theatro José de Alencar - Foyer

14h: interações criativas / teatro, com Oscar Zimmermann (Valparaíso/Chile)

local: Theatro José de Alencar - Sala Nadir Papi Sabóia

19h: mostra de cinema: Mostra Chile / Curadoria: Álvaro de La Barra (Santiago/Chile)

90 min | classificação etária: livre

locais: Subvercine, Cine Cururu e Cine Paramotoquinha

20h: espetáculo de teatro: Viaje / Oscar Zimmermann (Valparaíso/Chile)

local: Teatro SESC Emiliano Queiroz


Intercâmbio entre artistas brasileiros e chilenos fortalece

a relação entre os dois países e aproxima produção, difusão e formação

O Brasil em Chile - Chile en Brasil Festival é uma criação que favorece a divulgação do Brasil no exterior e a cooperação cultural com países do Mercosul. Propõe, aos artistas e público do Chile e do Brasil, a troca de expressões em Dança, Teatro, Música, Cinema e Artes Plásticas. Em julho de 2010, nas cidades de Fortaleza e Santiago.

O Brasil em Chile - Chile en Brasil Festival é um projeto que surge da necessidade já tão evidenciada da circulação de espetáculos artísticos, como forma de disseminar manifestações culturais entre diferentes públicos. Quando essa circulação se dá através da interação entre dois países da América Latina, destaca-se a importância da afirmação e da diversidade cultural dentro de um continente tão apartado pelo culto desenfreado por fórmulas norte-americanas ou europeias.

Investindo nesse intercâmbio cultural, a iniciativa fomenta e oferece visibilidade à produção local dos dois países envolvidos, fortalecendo os processos colaborativos de criação nacional e internacional e gerando troca de conhecimentos e práticas entre artista e públicos.

Por uma semana em cada cidade, o projeto prevê a apresentação de trabalhos de artistas brasileiros na cidade de Santiago, no Chile, e de artistas chilenos na cidade de Fortaleza, no Brasil. Programações que enfocam cinco linguagens artísticas: exposições de Artes Visuais, espetáculos de Teatro, espetáculos de Dança, Mostras de Cinema e sessões de Música. Além dos espetáculos, as programações oferecem residências artísticas e oficinas que estimulam a interação entre artistas locais e convidados e resultam também na formação de platéia.

Com apoio financeiro da Diretoria de Relações Internacionais do Ministério da Cultura (D.R.I./MinC), do Banco do Nordeste do Brasil e do SESC Ceará, o projeto Brasil em Chile - Chile en Brasil Festival direciona a atenção para a arte contemporânea, produzida nos centros urbanos de Fortaleza e Santiago. Traz novos ares para a cena nacional e internacional, pois configura-se como uma possibilidade concreta de avanço na intenção de estabelecer parcerias colaborativas com países do Mercosul.

Nesse sentido, além de apresentarem seus trabalhos, os grupos artísticos participantes serão envolvidos em diversas atividades no contexto cultural local, como visitas a espaços culturais, debates e encontros com realizadores, inaugurando relações para potenciais desdobramentos.

Participação do Público

Apostando na participação da juventude, o projeto Brasil em Chile - Chile en Brasil Festival estima alcançar aproximadamente 20.000 pessoas nas duas cidades, atraindo um público diversificado, sobretudo considerando que todas as ações, em ambos os países, serão gratuitas. Como frisa o idealizador do projeto Paulo Vitor Gomes Feitosa, diretor da Quitanda das Artes, "garantir acessibilidade a todos os tipos de público é favorecer à população a fruição cultural, a participação nos acontecimentos da cidade e ao mesmo gerar novas referências estéticas nos públicos mais variados".

O empreendimento ainda buscará a mobilização de escolas públicas e privadas, aproximando das atividades escolares a rica programação cultural ofertada pelo intercâmbio. Além disso, procurará manter fiel o público já acostumado às programações culturais, dentre eles artistas, produtores culturais, universitários, gestores públicos, professores acadêmicos, intelectuais, comunicadores.

Período de Realização

Santiago (Chile): 7 a 10 de Julho de 2010

Fortaleza (Brasil): 27 a 30 de Julho de 2010

Artistas Brasileiros na programação:

Artes Plásticas: Milena Travassos (CE), com a exposição Sala de Jejum

Cinema: Alexandre Veras (CE), como curador da Mostra Brasil - Corpo Imagem

Dança: Cia. Dita (CE), com o espetáculo De-Vir

Música: Di Freitas (CE), com o recital musical Rabecas e Cabaças

Música: Grupo Feito em Casa (CE), com o show musical Tempo de Amor

Teatro: Cia. do Meu Tio (BA), com o espetáculo O Sapato do Meu Tio

Artistas Chilenos na programação:

Artes Plásticas: Brisa MP e Yto Aranda, com a instalação interativa Umbraltech

Cinema: Álvaro de la Barra, como curadora da Mostra Chile

Dança: Cía. de Papel, com o espetáculo Pies Pa' Volar

Música: DJ Paula Wapsas, com Chile in up live

Teatro: Tryo Teatro Banda, com o espetáculo Pedro de Valdívia - La Gesta Inconclusa

Teatro: Oscar Zimmermann, com o espetáculo Viaje

Teatro: Cia. Teatro La Carcajada, com o espetáculo Chejoviando

Brasil em Chile - Chile en Brasil Festival

Santiago (Chile): 07 a 10 de Julho de 2010

Fortaleza (Brasil): 27 a 30 de Julho de 2010

programações gratuitas

web: brasilchile.com

Sugestões para entrevistas:

Paulo Victor Gomes Feitosa, idealizador e coordenador geral:

(85)3235-4063 / 8857-8419 / paulo@quitandadasartes.com

Produção e Comunicação:

TEMBIÚ - Alimento de Alma: (85)9621-9700 (Rodrigo de Oliveira) / tembiu@gmail.com


FML 2010

Neste domingo, Londrina ouviu os últimos acordes da 30º edição do Festival de Música de Londrina, com inovações culturais e grandes atrações, que merecem realmente um sonoro BRAVO !

Por sua importância e permanência no cenário cultural brasileiro, que bem sabemos, das dificuldades em obter apoios e patrocínios, o FML é realmente um patrimônio musical do Brasil. Nesta postagem , destacamos um pouco da biografia de 2 personalidades fundamentais para a longevidade deste maravilhoso evento :

Maestro Norton Morozowicz : O fundador

Pianista Marco Antônio de Almeida : O diretor

Aqui vamos conhecer Marco Antônio de Almeida

Nascido em Londrina, Paraná, iniciou seus estudos com sua irmã, Terezinha de Almeida Penna, graduando-se posteriormente na Faculdade de Música “Mãe de Deus”. Após trabalhar vários anos com o pianista Gilberto Tinetti e terminar seus estudos de Medicina, transferiu-se para a Alemanha como bolsista do DAAD (Deutscher Akademischer Austauschdienst), onde completou seus estudos de pós-graduação na “Escola Superior de Música e Teatro de Hamburgo” sob a orientação de Yara Bernette. Freqüentou cursos com mestres de renome internacional, entre os quais: Magda Tagliaferro, Paul Badura Skoda, Christoph Eschenbach, Nikita Magaloff, Elgin Roth, Fausto Zadra e Carlo Zecchi.

Além de prêmios nacionais - Concurso Nacional do Paraná e Jovens Solistas do Rio de Janeiro - foi também laureado em concursos internacionais: “Concurso de Piano de Covilhã” (Portugal), “Concurso de Piano Viotti” (Itália) e “Concurso de Piano Gina Bachauer” (USA).

Como intérprete de Mozart tem se apresentado nos mais importantes festivais alemães: “Würzburger Mozartfest”, “Kissinger Sommer”, “Klavierfestival Ruhr”, “Schleswig Holstein Musikfestival” e “Schwetzinger Festspiele” tendo gravado em CD o citado compositor com a “Orquestra de Câmara Filarmônica de Berlim”.

Entre seus companheiros de música de câmara salientamos entre outros Antonio Menezes, a oboísta americana Anne Leek, o Quarteto de Cordas de São Paulo e o Quinteto de Sopros de Moscou.

Dedica especial atenção à divulgação da música brasileira no exterior, destacando-se a gravação em CD de peças de Ernesto Nazareth na Alemanha , e a primeira gravação (após Villa-Lobos) do “Choros N° 11” para piano e orquestra realizada na Suécia. Enfatiza a importância da participação de artistas de sua geração no repertório contemporâneo, participando da primeira audição de obras de Benjamin Britten, na Alemanha, e da execução de peças ainda não publicadas de Paul Hindemith.

Foi convidado a acompanhar os Presidentes da Alemanha, Richard von Weizsäcker e Roman Herzog, em viagem cultural ao Canadá (1990) e Brasil (1995), respectivamente.

Fundador do “Festival de Música de Cascavel”, Paraná, foi de 1990 a 1994 Diretor Artístico do “Festival de Música de Londrina”, como também professor do 26° e 27° “Festival de Inverno de Campos de Jordão”(95 e 96) e do Festival de Música de Câmara da Paraíba. É diretor artístico da Fundação Mejier-Werner de Caracas, Venezuela.

Desde 1995 é membro de Sociedades Alemãs de Música e Medicina, desenvolvendo intenso trabalho na área de prevenção e terapia de enfermidades dos músicos.

Desde 1980 é professor catedrático da “Escola Superior de Música e Teatro de Hamburgo” e desde de 1996 assumiu a cátedra de Metodologia do ensino do Piano na Universidade de Halle ( antiga Alemanha oriental) . Foi Diretor Artístico da histórica 30º edição do Festival de Música de Londrina, em 2010.

* fonte : site do artista

www.marcoantoniodealmeida.com


FML 2010

Neste domingo, Londrina ouviu os últimos acordes da 30º edição do Festival de Música de Londrina, com inovações culturais e grandes atrações, que merecem realmente um sonoro BRAVO !

Por sua importância e permanência no cenário cultural brasileiro, que bem sabemos, das dificuldades em obter apoios e patrocínios, o FML é realmente um patrimônio musical do Brasil. Nesta postagem , destacamos um pouco da biografia de 2 personalidades fundamentais para a longevidade deste maravilhoso evento :

Maestro Norton Morozowicz : O fundador

Pianista Marco Antônio Almeida : O diretor

Aqui vamos conhecer Norton Morozowicz

Curitibano de nascimento e irmão do compositor Henrique de Curitiba, o flautista e regente Norton Morozowicz, reconhecidamente um dos mais importantes músicos do Brasil,
é hoje membro da Academia Brasileira de Música.

Realizou uma brilhante carreira como solista, camerista e pedagogo da flauta, aperfeiçoou-se como grande mestre Aurèle Nicolet ,
tendo-se apresentado constantemente com renomados artistas nacionais e internacionais, inclusive com um dos maiores nomes da história da flauta, Jean Pierre Rampal, com quem fez inesquecível parceria em memoráveis recitais e concertos entre 1981 a 1994.


Realizou inúmeras excursões pelo Brasil, Europa, Estados Unidos e Canadá como Flautista-Solista da Orquestra Sinfônica Brasileira durante 17 anos.

Como Regente, tem dirigido, com pleno sucesso de crítica e de público, as principais Orquestras do país, como a Sinfônica Brasileira,
Sinfônicas: Estadual e do Teatro Municipal de São Paulo, Orquestra Petrobrás´Pró-Música, da USP, da Bahia, de Campinas, Curitiba, Brasília e Porto Alegre, Jazz Sinfônica e Banda Sinfônica de São Paulo, entre outras.


Fundou a Orquestra de Câmara de Blumenau, que, sob sua direção, tornou-se em referência brasileira de música de qualidade, com
abrangências nacional e internacional. Foi o criador e Diretor Artístico do Festival de Música de Londrina, durante vários anos. Idealizou os Festivais de Música de Câmara de Blumenau, foi Diretor Artístico do Encontro Nacional Pequenos & Grandes Artistas em Goiânia.

Também foi Professor Titular e Notório Saber da Escola de Música da Universidade Federal de Goiás.
Com mais de trinta e cinco discos gravados, vem prestando significativa contribuição para a Música do nosso País, por estrear, apresentar e gravar, quer como Regente, Solista ou Camerista, obras significativas de compositores brasileiros de todas as épocas.

· fonte: ABRAF

Visite o site do artista: www.nortonmorozowicz.com

segunda-feira, 26 de julho de 2010



DIMITRI CERVO - Entrevista para o blog Arte Brasil



Nesta postagem, temos a honra de entrevistar um jovem e brilhante compositor brasileiro, que tem se destacado no Brasil e exterior com suas obras, que tivemos a satisfação de ouvir quando esteve em Londrina e através de sua pagina na internet. Dimitri Cervo é seu nome e tenho certeza de que todos vão gostar de conhecer sua história, idéias e projetos artísticos. ( por Aldo Moraes )




1) Dimitri Cervo, é um prazer ter você falando com o público que acompanha nosso blog. Poderia nos contar um pouco sobre sua trajetória ?


Comecei a estudar música, e já quase imediatamente a compor, aos 11 anos. Aos 14 anos tive a certeza que meu caminho era música, em específico a composição. Desde então tudo tem se desenrolado.




2) Você é pianista. Como você começou escrever para o seu instrumento ? E como é o seu processo de criação ?

Comecei com o piano, mas sempre vi no piano um meio para a composição, e também um meio para conhecer em profundidade o repertório que os grandes compositores do passado criaram. Por ser o meu instrumento principal, junto com o violão, que sempre “arranhei”, minhas primeiras peças saíram naturalmente para o piano. Meu processo criativo parte, em grande medida, da improvisação.




3 ) Você tem idéia de quantas obras musicais já escreveu ? E os recitais e concertos que foram memoráveis para você ?


Cerca de 20 obras realmente boas ou excelentes, e mais algumas que não me parecem tão felizes, no total devem somar umas 50 peças. Dos concertos que foram marcantes para mim destaco a primeira vez que me apresentei em público, aos 14 anos, com uma composição própria. Posso também citar os diversos concertos nos quais toquei, com grupos ou orquestras, obras como Passacaglia Fantasia, Toronubá, Toccata Amazônica, Aiamguabê e Uguabê.



4 ) Li sobre sua passagem pela Bahia. De que forma o contato com os cultos afro-brasileiros acrescentaram em sua música?



A música desses cultos, assim como a música percussiva africana e afro-brasileira em geral, são de uma força e vitalidade impressionantes. Tenho incorporado elementos dessa rítmica, tão criativa e vital, no que tenho feito.




5 ) Como músico, você acompanha a música contemporânea ? E caso acompanhe, como a situa em seu repertório e em relação à sua estética musical ?



Sim, já escutei e estudei muita música do século XX. Conheço “tudo” o que foi feito no século XX com relativa profundidade, um conhecimento não apenas auditivo, mas também técnico, com a compreensão dos processos composicionais envolvidos. Sempre procuro estar atento para a produção dos compositores vivos. Dentro desse rico universo, ainda sinto a necessidade de ouvir uma música que não existe, que intuo e “escuto”. Assim tenho criado aquela música que gostaria de ouvir.



6 ) Em sua formação, quais músicos e compositores você considera uma influência em sua carreira ?



Música brasileira em geral, música indiana e africana, minimalismo, de nomes individuais poderia citar Beethoven, Steve Reich, Villa-Lobos e Scriabin.



II Parte da Entrevista com o Compositor Dimitri Cervo



1) Dimitri Cervo, Como define seus projetos e obras mais recentes?


São projetos como a “Série Brasil 2000” e a “Série Brasil 2010”, projetos composicionais que têm durado pelo menos uma década, e que desenvolvem aspectos singulares de minha linguagem musical.





2 ) Poderia falar do ensino musical e como você o enxerga neste momento em nosso país ?


O país está em um momento auspicioso para o ensino de música e educação musical. A volta da obrigatoriedade do ensino de música nas escolas públicas é um momento paradigmático que trará um enriquecimento significativo no processo de ensino-aprendizagem musical da nação brasileira.


Em um nível mais alto, hoje em dia temos excelentes artistas, músicos e professores atuando no país, e temos, mais do que nunca, condições de formar músicos em alto nível no Brasil, considerando-se qualquer tipo de manifestação musical.





3) Abro o espaço para você falar com nosso público e agradeço imensamente o tempo que nos reservou para conceder esta entrevista. E esperamos vê-lo em breve conosco em Londrina. Obrigado !



Obrigado a você e ao público que acompanha o blog. Estive em Londrina 1989, como aluno do Festival, e em 1995 quando minha “Abertura e Toccata” recebeu o primeiro prêmio no Concurso de Obras Orquestrais do XV Festival, e foi apresentada aí. Tenho um carinho muito grande por Londrina, espero revisitá-los!


Nome: Dimitri Cervo (compositor e pianista)

Discografia: Toronubá – A Música de Dimitri Cervo (2006, FUMPROARTE)

Série Brasil 2010 (2009, apoio da Bolsa Funarte de Estimulo a Criação Artística)

Site:
http://dcervo.sites.uol.com.br/

Youtube:
http://www.youtube.com/watch?v=Q8cjg2k1YKY
http://www.youtube.com/watch?v=IMqtH5PhDIM
http://www.youtube.com/watch?v=T-D0ZILH-vE




a) Concurso para professor de vários instrumentos na Escola de Música de Brasília, do Governo do Distrito Federal

SEPLAG realiza concurso para professores do GDF. São 4812 vagas, com 400 para contratação imediata. As oportunidades são para profissionais de diversas áreas: administração, artes, biologia, filosofia, informática, inglês, francês, espanhol, matemática, língua portuguesa, música, sociologia, e outras.
Para os cargos cuja carga horária semanal é de 20 horas, a taxa de inscrição é de R$58,00. Já para os cargos de 40 horas semanais, a taxa de inscrição tem o valor de R$73,00. As remunerações são, respectivamente, R$1.381,67 e R$3.720,24. As provas estão previstas para setembro.
Maiores informações e edital em: www.universa.org.br



b) CONCURSO : PROFESSOR de MÚSICAna UFRJ

(regência, canto, piano, flauta doce, clarineta, percepção, composição)
UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO
Edital nº 28 de 24 de junho de 2010
www.musica.ufrj.br



c) CONCURSO : Professor efetivo de educação musical/violão (UFS)

Estão abertas, no período de 14/07 à 12/08/2010, as inscrições para o
concurso público para professor efetivo de Educação Musical / Violão
(1 vaga), no curso de Licenciatura em Música da Universidade Federal
de Sergipe.
Os requisitos mínimos são: Graduação em Música com Mestrado em Música.

Maiores informações : musica@ufs.br ou telefone: (79) 2105-6891
Profª. Ma. Mackely Ribeiro Borges
Universidade Federal de Sergipe



d) CONCURSO : PROFESSOR DE SAXOFONE NA UFRN

O programa, a data inicial do processo de seleção e as normas gerais do concurso,
a relação de temas da prova didática e a sua natureza e as portarias de designação das
comissões serão disponibilizados em : www.prh.ufrn.br a partir de 19 de julho de 2010 e fornecidos
ao candidato no ato de inscrição.



e) IX Mostra de Cordas Dedilhadas - Homenagem aos 80 anos de Villani-Côrtes

Livraria Cultura Shopping Villa-Lobos
Avenida Nações Unidas, 4777 – São Paulo – SP
Entrada: 1 kg de alimento não perecível

Programação completa

01 de agosto
16h00 – “Edmundo Villani-Côrtes – 80 Anos” – convidados: Fábio Zanon, Fábio Bartoloni, Gilson Antunes, Francisco Kenji, Sara Rodrigues, Beatriz Pansani, Alexandre Crosta, Eduardo Minozzi, Luis Panini, Peterson Reinan, Silvino Almeida, Rafael Altro, Quarteto Bartoloni, Andréia Fernandes (soprano), Yuri Jaruskevicius (barítono), Natasha Matsuura (violino), Richard Hartstein (flauta) e William Labecca (piano). No repertório obras do compositor Villani-Côrtes originais para violão solo e versões do próprio compositor para diversas formações camerísticas: Tríptico, Pretencioso, A Festa da Tocandyra, Cinco Miniaturas Brasileiras, Frevo Fugato estão entre outras obras primas do compositor.
17h30 – Conversa com o compositor e abertura da “Exposição fotográfica: 80 anos de Villani-Côrtes” – coordenação Mônica Côrtes e Rafael Altro. A exposição ficará instalada do dia 01 ao dia 29 de agosto incluindo fotos raras do acervo do compositor.
05 de agosto
19h00 – Vitor Garbelotto (Brasil). Lançamento do CD "Radamés Gnattali - Obra para Violão Solo". O violonista vencedor em 2010 do Prêmio Nabor Pires apresenta em seu repertório obras de Radamés Gnattali, Raphael Rabello, Garoto entre outros compositores brasileiros.
20h00 – Esdras Maddalon Evaristo (Brasil). Violonista brasileiro residente e vencedor de vários concursos na Itália apresenta em seu repertório obras de Turina, J.S.Bach e G.Regondi.
07 de agosto
18h00 – Marcus Toscano (Brasil). O jovem violonista brasileiro apresenta em seu programa obras de J.S.Bach, Sérgio Assad, Paulo Belinatti, Antonio José e Thiago Litieri.
19h00 – Elodie Bouny (Venezuela/França). A jovem violonista que hoje reside no Brasil premiada em 2009 no Concurso de Violão Estáquio Grillo em Brasília apresenta em seu programa composições próprias e obras de L.Brouwer.
20h00 – Sarau / Encontro "Fórum Violão Erudito – 10 Anos”. Um bate-papo e sarau com participantes inscritos no Fórum de Violão Erudito com a participação dos jovens violonistas: Ericsson Castro, Andrea Paz, Bruno Madeira, Thiago Oliveira e Daniel Motta. No repertório obras de F.Sor, Leo Brouwer, R.Gnatalli, Hans Haug, Sérgio Assad, Edino Krieger entre outros.


08 de agosto
16h00 - Camerata de Violões NAMMUSIC – com regência de Rafael Altro o grupo formado por jovens alunos do NAMMUSIC apresenta em seu repertório obras de Ary Barroso, J.Lennon, E.Villani-Côrtes entre outros.
17h00 – Gonçalo Cordeiro (Portugal). Premiado no ”VIII Concurso Internacional de Guitarra José Tomás” – Villa de Petrer (Espanha) o jovem violonista português apresenta em seu repertório obras de M.Ponce, F.Mompou, F.N.Lobo e F.Werthmüller.
Rafael Altro
Rafa Music - Produções & Eventos Ltda
www.rafamusic.sites.uol.com.br



f) Encontro de Corais: inscrições até 20/08

Encontro de Corais receberá integrante do ‘Take 6’
Cedric Dent venceu 10 Grammys junto a grupo americano; inscrições para oficinas técnicas estão abertas até 20 de agosto
O 2º Encontro Nacional de Corais do Conservatório de Tatuí, evento realizado pelo Governo de São Paulo em Tatuí no período de 26 a 29 de agosto, terá como um dos convidados especiais o cantor Cedric Dent. O americano é barítono, arranjador e produtor do “Take 6”, grupo vocal vencedor de 10 Grammys Awards. O encontro, que acontecerá a 130km de São Paulo e terá oficinas técnicas, palestras e concertos, permanece com inscrições abertas até o dia 20 de agosto.
Organizado com objetivos de motivar a troca de experiências entre regentes e coristas por meio do oferecimento de oficinas, palestras e apresentações artísticas de profissionais do segmento de reconhecimento nacional e internacional, o 2º Encontro Nacional de Corais do Conservatório de Tatuí prioriza o intercâmbio de experiências. “Pretendemos criar uma ambiência para essa troca de experiências e partilha de novos conhecimentos, convidando profissionais de alto gabarito para atuar em trabalhos prático”, afirmou o coordenador do evento Cadmo Fausto.

Entre os artistas com presenças já confirmadas no evento está o cantor americano Cedric Dent, doutor em teoria musical e professor da Middle Tennessee State University. Integrante como barítono, arranjador e produtor do “Take 6”, foi com esse grupo que Cedric Dent recebeu 10 Grammy Awards, além de um disco de platina (mais de um milhão de cópias vendidas) e outros três discos de ouro. Durante o evento, o cantor ministrará oficina sobre “Coro Spirituals”.

Outros artistas já confirmados são as cantoras Mara Campos (oficina de Leitura sobre Peças do Cancioneiro Música Brasileira) e Sonia Maria Cavalheiro Campos (Oficina sobre Técnica Vocal). Também apresentam-se no evento o Coral Voz Ativa, sob regência de Ricardo Barbosa (dia 26 de agosto), o Coro Brasil Ensemble da Universidade Federal do Rio de Janeiro, regido por Maria José Chevitarese (dia 27 de agosto); e o Madrigal in Casa, sob regência de Nelson Silva (dia 29 de agosto). Em todos os dias, a abertura dos concertos será feita pelo Coro do Conservatório de Tatuí, sob regência de Cadmo Fausto. Outros artistas ainda terão suas presenças confirmadas.

Inscrições
As inscrições ao 2º Encontro Nacional de Corais do Conservatório de Tatuí podem ser feitas até o dia 20 de agosto pessoalmente no Centro de Produção do Conservatório de Tatuí (rua São Bento, 415 – Tatuí-SP) ou pelo site conservatoriodetatui.org.br/ecorais. Também é possível preencher corretamente a ficha de inscrição e enviá-la pelo correio, até a data indicada. Podem se inscrever interessados de qualquer idade e nível de conhecimento (estudantes, professores, amadores, profissionais e interessados).

Para oficializar a inscrição, além do correto preenchimento e envio da ficha de inscrição, é preciso realizar o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 10. O depósito deve ser feito a favor da Associação de Amigos do Conservatório de Tatuí - Banco do Brasil - Agência: 6505-6 - C/C: 40.516-7. O pagamento dá direito ao inscrito de participar de todas as oficinas e concertos gratuitamente durante a realização do evento.

Os 40 primeiros inscritos ao Encontro Nacional de Corais que indicarem a necessidade de estadia na ficha de inscrição, terão direito a estadia gratuita no alojamento da instituição.

SERVIÇO
2º Encontro Nacional de Corais
Cadmo Fausto, coordenação
26 a 29 de agosto
Oficinas, palestras e concertos
Inscrições até 20 de agosto
Informações:
www.conservatoriodetatui.org.br/ecorais





g) RECITAL : Duo Assad em única apresentação, dia 5 de Agosto

Conservatório de Tatuí recebe
Duo Assad, dia 5 de agosto

RECITAL DUO ASSAD
Sérgio e Odair Assad, violões
5 de Agosto
20h30
Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415
Centro – Tatuí-SP
Ingressos: R$ 10 (R$ 5 idosos, estudantes e aposentados)
Venda antecipada: de segunda a sexta-feira, das 15h às 19h e em dias de eventos até as 21h30



MASTERCLASS DUO ASSAD
Sérgio e Odair Assad, violões
Dia 4 de Agosto – 13h00
Salão Villa-Lobos
Rua São Bento, 415
Entrada franca a qualquer interessado, mediante inscrição prévia
Executantes: somente alunos do Conservatório de Tatuí
Informações: 15 3205-8444 / www.conservatoriodetatui.org.br
Informações à imprensa: 15 3205-8464 / 15 96131922






h) CONCERTO : OSB Programação de AGOSTO 2010

AGOSTO/2010
7 de agosto – Sábado – 20h
SÉRIE AMETISTA

Regência: Roberto Minczuk
Nelson Freire, piano
Theatro Municipal do Rio de Janeiro
Praça Floriano, s/nº - Centro - 21-2332-9191/9005
Ingressos: Plateia e Balcão nobre - R$ 130 / Balcão Simples - R$ 60 / Galeria - R$ 18

Shostakovich - Lady Macbeth de Mtsensk - Três Peças
Beethoven - Concerto nº 4 em Sol maior, Op. 58
Santoro - Sinfonia nº 5


8 de agosto – domingo – 17h
SÉRIE SAFIRA
Sala São Paulo
Ingressos: Balcão Mezanino- $121 / Plateia Central - $95 / Plateia elevada - $80 - Balcão Superior - $44 – Camarote Superior - $39
Roberto Minczuk, regente
Nelson Freire, piano
Shostakovich - Lady Macbeth de Mtsensk - Três Peças
Beethoven - Concerto nº 4 em Sol maior, Op. 58
Santoro - Sinfonia nº 5

Mais informações sobre a Orquestra Sinfônica Brasileira: www.osb.com.br
Assessoria de Imprensa: VERBO VIRTUAL COMUNICAÇÃO
Luciana Medeiros (21) 2294-4560 / 8139-0202 lucianamedeiros@verbovirtual.com.br
e Roberta Rangel (21) 7825-6477 robertarangel@globo.com

EDITAIS SOCIAIS

Unifem Brasil e Cone Sul recebem propostas de projetos com foco em mulheres e infraestrutura
A fim de apoiar iniciativas das redes e organizações de mulheres para incidência nos espaços de decisão política e promoção de políticas públicas direcionadas, o Programa Interagencial de Promoção da Igualdade de Gênero, Raça e Etnia recebe, até 6 de agosto, propostas de projetos na área de infra-estrutura, incluindo habitação água ou saneamento básico.
Os projetos apresentados deverão ter recorte de gênero, raça e etnia, assim como indicação de atividades de 'advocacy' para inclusão de demandas nos espaços de decisão política.




Bolsas para pesquisa sobre estratégias para o desenvolvimento da sociedade da informação
A Rede Diálogo Regional sobre Sociedade da Informação [DIRSI] está com inscrições abertas para seu 4° Concurso de Bolsas para Projetos de Pesquisa de Jovens Pesquisadores. A idéia é fomentar estudos sobre os desafios provocados pelo desenvolvimento da sociedade da informação, assim como problemas e soluções para políticas públicas e regulação na América Latina e no Caribe. O foco é a produção de conhecimento como geradora de reflexão e formulação de políticas para que todos os setores da sociedade, em especial pobres e excluídos, aproveitem os benefícios da sociedade da informação e da comunicação.

quinta-feira, 22 de julho de 2010


MÚSICA INDEPENDENTE



O Sebo Capricho, em Londrina, abre espaço para a divulgação e venda de discos de músicos independentes. Basta enviar o material fonográfico ( CDs, EPs, singles ou DVDs ) para a loja ( Rua Mato Grosso, 211 ) acompanhado do valor a ser comercializado, nome verdadeiro do artista, nome artístico, cópia de RG e CPF , release, foto para divulgação, além do banco com número e agência da conta bancária, para depósito em conta, assim que forem comercializados. Não será cobrada taxa ou comissão pela venda.

Contatos com Moca Produtora ( Jaime Santos )

Telefones : 0xx43 3329-2834 e 8429-9979


IX Feira da Música de Fortaleza acontecerá em Agosto no Centro Dragão do Mar



Pela primeira vez, a Feira da Música de Fortaleza concentra toda a programação do evento no Centro Dragão do Mar e entorno. Shows, palestras, oficinas, rodada de negócios, exposição de estandes, dentre outras atividades desta IX edição serão distribuídas pelos espaços do centro cultural. A Feira ocorre de 18 a 21 de agosto



A IX Feira da Música de Fortaleza (CE) acontecerá de 18 a 21 de agosto com toda a programação distribuída pelos espaços do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. Pela primeira vez, a Feira - evento pioneiro no setor de música e negócios - ocupa o centro cultural com outras atividades além dos shows. Agora, oficinas, palestras, workshops, a rodada de negócios, a exposição de estandes, dentre outras divisões da programação do evento, estarão concentradas entre os limites do Dragão e de seu entorno, na Praia de Iracema.



Com a nova distribuição, a Feira aproxima arte e reflexão. A Mostra de Música Independente trará uma programação com 52 atrações - entre artistas de estados como Pernambuco, Rio Grande do Norte, São Paulo, Bahia, Amapá e Rio de Janeiro - divididas em palcos espalhados pelo Dragão, a exemplo do que ocorreu em anos anteriores. Já o Encontro Internacional da Música - reunindo oficinas, palestras e workshops - estréia no espaço do centro cultural este ano, estendendo as atividades para o Sesc Senac Iracema.



Para a edição 2010, a Feira da Música recebeu o número recorde de 841 inscrições de artistas para a programação de shows. Deste total, 297 foram de Fortaleza, através do processo seletivo realizado em três etapas durante a III Mostra Petrúcio Maia no último mês de maio. Outras 544 inscrições vieram do interior do Ceará, dos demais estados do Brasil e ainda de países como Argentina, Bolívia, Uruguai e Haiti.



Com a seletiva inserida na programação da Mostra, a organização da Feira começou a empreender uma série de ações prévias à nona edição que culminou na realização do Entrepontos - seqüência de encontros em quatro cidades do interior do Ceará, programada de 30 de junho a 7 de agosto de 2010, promovendo a capacitação em negócios da música.



Este ano, a organização da Feira da Música ainda sinaliza para novos focos de atuação, com "um olhar para o Nordeste" e "outro para a América Latina". Ambas as visões têm a perspectiva de articulações para a integração do mercado da música a nível regional e continental, respectivamente. Endossando a idéia, a Feira sediará o Congresso Fora do Eixo Nordeste e receberá convidados que representam o diálogo entre o mercado nacional e o latino.



A Feira é uma realização da Associação dos Produtores de Discos do Ceará (ProDisc) em parceria com o Sebrae (CE). Em 2010 conta com a promoção da Prefeitura de Fortaleza, patrocínio do Banco do Nordeste e BNDES, incentivo do Sistema Estadual de Cultura e apoio cultural do Ministério da Cultura.



Histórico - Consolidada como um dos maiores encontros de música e negócios do Brasil, a Feira da Música de Fortaleza entra na expectativa para a realização de sua nona edição com o respaldo das edições anteriores. A Feira acontece desde 2002 e, em 2009, reuniu mais de 40 mil visitantes, foi sede de um encontro importante para a fundação da Rede Música Brasil (RMB), implantou a moeda complementar "Patativa" na recepção dos convidados - sinalizando com a forte tendência de se trabalhar a cadeia produtiva da música à base da economia solidária.



Serviço - IX Feira da Música de Fortaleza (CE). De 18 a 21 de agosto, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (Praia de Iracema). A programação terá início todos os dias a partir das 15h. Acesso gratuito. Info.: (85) 3262.5011 - www.feiradamusica.com.br



Mais Informações para a Imprensa: (85) 8690.2466 - fgurgel@gmail.com (Felipe Gurgel)



COMPOSITOR ARTEMIY ARTEMIEV E A GRAVADORA ELECTROSHOCK


Há 10 anos, troco informações musicais com o compositor russo Artemiy Artemiev, que além da sua extraordinária produção de música eletroacústica e de trilhas sonoras para filmes russos e ocidentais; realiza um interessante trabalho com novos compositores e talentos da música contemporânea, através da sua gravadora ELECTROSHOCK.

Há muito o que destacar da obra e do trabalho de produção de Artemiev, mas hoje vamos nos deter no disco" MIDWAY", feito há 4 mãos por Valery Siver ( melodias e violões ) e Kiryll Trepakov ( composição, arranjos, sintetizadores e computador ). As peças instrumentais são denominadas em inglês ( como the way, Stress, Head on a laps, Mentor shadow e the key, por exemplo).

São 12 faixas e 1 hora da mais pura música experimental. Mas não é o experimental hermético, só possível a iniciados. É uma música que flui e que combina maravilhosamente bem, o violão erudito e o violão instrumental ( e os momentos em que cada um aparecem são muito bem delimitados ) com conceitos de música eletroacústica, aleatória, atonal e tecno. Sim, a faixa The way faz uma combinação muito bem balanceada entre a música de pista de dança e o violão clássico. É de um raro prazer ouvir estes trabalhos.

O disco é de 2003 e tem produção de Artemiy Artemiev e Valery Siver e é realmente de uma delicadeza incrível, experimentando encontros inusitados, mas respeitando os limites sonoros e de bom gosto desta mescla musical.

Valery Siver é de São Petesburgo, Rússia, onde estudou música e se profissionalizou, como compositor e violonista. Escreveu sua primeira peça musical aos 16 anos e se lançou no mercado, com projetos musicais, em 2.000.

Seu parceiro Kiryll Trepakov é músico e produtor, atuando em Moscou. Quando criança, teve experiências com a escola de violão clássico. Tocou bateria e instrumentos de cordas, típicos do folclore russo. Desde 1993, atua em seu estúdio e toca guitarra e violão em bandas alternativas, como K.U Street Spring e Medusa 7.

Eles formaram a parceria para trabalhos específicos de investigação sonora, num projeto que denominaram Duo Siver-Trepakov e gravaram 10 álbuns, sendo que " Midway" é o último deles. Não ouvi os outros discos e por isto, me ative ao MIDWAY, que é simplesmente sensacional.


www.electroshock.ru

www.siver.org



Aldo Moraes ( Compositor )
composermoraes@hotmail.com



INSTITUTO TOMIE OHTAKE


EXPOSIÇÃO " ALECHINSKY, 40 ANOS DE COLABORAÇÃO COM PETER BRAMSEN "


Alechinsk fez parte do famoso grupo Cobra, importante desde os anos 40-50, formado por artistas como Appel, Jorn e Constant, oriundos de Copenhagen, Bruxelas e Amsterdam ( CoBrA).


A expressão livre e inconsciente de Alenchinsky, que poderia lembrar formas humanas ou de objetos, suas cores vibrantes e profundas revelam espontâneas e velozes composições, próximas a Dubuffet e a Pollock, seus contemporâneos.


Além de pintar em Bruxelas, Alenchinsky desenvolveu a gravura em Paris, onde vive há muitas décadas.


Na exposição do Instituto Tomie Ohtake, são apresentadas cerca de 100 litografias, realizadas em parceria com Peter Bramsen, durante um período de 40 anos. As obras pertencem à coleção do Atelier Clot, Bramsen et Georges e foram gentilmente cedidas para esta exposição no Brasil.


INFO:
INSTITUTO TOMIE OHTAKE
AV FARIA LIMA, 201
PINHEIROS SÃO PAULO
TEL 11 2245-1900

www.institutotomieohtake.org.br

instituto@institutotomieohtake.org.br

Curadoria: Christian Bransem e Valeré Bertrand

DE 16 DE JULHO A 7 DE SETEMBRO